O Rappa - Espaço das Americas, São Paulo – 10/11/2017


Por Rogério Talarico
Fotos gentimente cedidas por Bárbara Martins

O Rappa é uma banda de rock que possui muita diversidade e mescla muito bem elementos reggae, rap e MPB em seu som. Após 24 anos de banda, muitos sucessos e diversos hits nas paradas de rádios além de sucessos incontáveis em programas e novelas de televisão, neste ano a banda anunciou uma pausa indefinida em seus trabalhos e iniciou no segundo semestre deste ano uma turnê de despedida, contando com um dos shows no enorme Espaço das Américas.

Com show marcado para início as 23h30min, O Rappa formado por Marcelo Falcão nos vocais, Xandão nas guitarras, Lauro no baixo e Marcelo Lobato nos teclados entrou ao palco acompanhado com seus músicos de apoio que tocando instrumentos de sopro e até mesmo um baixo acústico às 00h40min, um atraso costumeiro nos shows d’O Rappa. Felizmente, para alegria de seus fãs a banda Be Livin que possui um som muito parecido com do show principal alegrou e esquentou a noite que estava apenas começando.

Em formato acústico – não tão acustico, pois no meio da apresentação o clima ficou bem animado com mais elementos que apenas “voz e violão” – o show contou com grandes sucessos do grupo como “ Lado B Lado A”, “Reza Vela”, “Rodo Cotidiano” entre outras canções não tão conhecidas como “Auto-Reverse” e “O Horizonte é Logo Ali” dentre tantos outros sucessos. Mas foi em “Pescador de Ilusões” e “Me Deixa” que o público que lotava a enorme casa de shows foi à loucura e cantarolou o refrão, brindou e pulou com seus amigos ao som dos hits.

Após quase 3 horas de show, Falcão e seus companheiros de banda se retiraram do palco ovacionados pelo grande público. A turnê continua com datas no interior de São Paulo, Minas Gerais, Curitiba e Pará.


Agradecimentos a Fabiana Villela e Estela Lopes do Espaço das Américas pela atenção e credenciamento.

Pesquisa

Redes Sociais

Newsletter